Revista de Cultura

Search
Close this search box.

Revista de Cultura

Search
Close this search box.

Autoras e Autores

Neste espaço você poderá conhecer um pouco mais sobre nossas autoras e nossos autores e visualizar as suas publicações.

Adriana Novaes

Adriana Novaes é filósofa. Doutora em Filosofia pela USP, pesquisadora externa do Labô PUC-SP e professora substituta da Unifesp EPPEN. Autora de Hannah Arendt no século XXI: A atualidade de uma pensadora independente (Amazon, 2020) e tradutora da nova edição do livro Crises da República, de Hannah Arendt (Crítica, 2024).

Amanda Fievet Marques

É mestra e doutora em Teoria e História Literária pela Universidade Estadual de Campinas (São Paulo, Brasil).

Ana Maria Oliveira

Nasceu no Alentejo, em Portugal, em 1960. É licenciada em filosofia. Lecionou durante algum tempo, estando atualmente ligada a atividades em infantário. Publicou cinco livros de poesia: Grito de liberdade (Corpos Editora, 2008), Espírito Guerreiro (Edição do Autor, 2014), Estilhaços no caminho (Chiado, 2021), Ao encontro da Terra (Cordel d' Prata, 2021) e Devir quântico (Poesia Impossível, 2022).

Ana Karla Farias

É jornalista (Uern), autora do livro A árvore dos frutos proibidos e outros contos (Multifoco, 2017), especialista em Produção de Documentários (UFRN), mestra e doutoranda em Multimeios/ Cinema (Unicamp).

Ana Vargas

Nasceu nas Minas Gerais, mas não se orgulha disso. Começou a escrever (e rabiscar) lá pelos 12 anos e a escrita se tornou refúgio e tentativa de construir uma identidade mais verdadeira. Ela se vê como quem observa ruínas e acha, aqui e ali, algo de valor. Autora de, entre outros, Contos de antes (Patuá, 2020), semifinalista do Prêmio Oceanos.

Anna Kroiss

É formada em Letras, atriz e roteirista de teatro. Está em vias de publicar seu primeiro livro de contos e escreve ensaios sobre literatura, cinema, catolicismo e outras artes em seu Substack As Horas de Anna.

Arthur Grupillo

É jornalista, professor de filosofia da Universidade Federal de Sergipe. É autor dos livros O homem de gosto e o egoísta lógico: uma introdução crítica à estética de Kant (Loyola, 2016) e Limites e dissonâncias da razão comunicativa: sinceridade, gramaticalidade e arte em J. Habermas (Edipucrs, 2023).

Astier Basílio

É escritor. Publicou 15 livros. Vencedor do Prêmio Funarte de Dramaturgia. Mestre em literatura russa pelo Instituto Pushkin. Mora em Moscou.

Ayodeji Richard Olugbuyiro

É acadêmico de estudos africanos e afrodiaspóricos, atualmente professor assistente na Universidade de Chicago (EUA). Escreve sobre diversas formas de produções culturais relacionadas às experiências de africanos e afrodescendentes.

Baga Defente

É fundador do NADA∴Studio Criativo, um ateliê multimídia, produtora cultural e editora independente com sede em Botucatu, no interior de São Paulo. É autor de Pra estancar essa sangria (NADA, 2021; Lei Aldir Blanc) e Teu sangue vermelho na minha parede (NADA, 2022; ProAC/SP).

Carla Costa Gomes

Escritora e poeta pernambucana.

Carolina Magaldi

É professora de tradução literária (inglês/português) na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), lecionando e orientando no âmbito da graduação, mestrado e doutorado. Trabalha com educação intercultural e bilíngue na graduação e em mestrado profissional em educação. Atua como tradutora há cerca de 20 anos. Seu livro Dharma (Paratexto, 2023) é o primeiro livro de uma trilogia.

Clara Smartins

Nasceu em maio de 2004, em Fortaleza, Ceará e estreou oficialmente, em 2023, a sua carreira literária e artística, participando de diversas antologias. É designer e escritora e mescla arte e palavras em seus trabalhos.

Conrado Rosa

É estudante de cinema e filosofia.

Daniel Dago

Nasceu em São Paulo, em 1987. Traduziu mais de 20 livros holandeses para diversas editoras. Atualmente, é mestrando em Teoria Literária pela Unicamp.

Danilo Brandão

Danilo Brandão nasceu em São Paulo, em 1996. Estreou na ficção com o livro de contos Tempos ainda sem nome (Urutau, 2022). Até a última gota (Mondru, 2023) é o seu segundo livro. Publicou contos e reportagens em diversas revistas, sites e jornais especializados em literatura (Revista Piauí, Revista Gueto, Revista Lavoura, Jornal Relevo, Ruído Manifesto etc.). É formado em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina e faz mestrado em Literatura pela Universidade Federal de São Paulo. Atualmente trabalha como redator e roteirista.

Diego Alencar

É estudante de Filosofia da PUC-SP.

Diego Pansani

Nasceu em Campinas-SP, em 1985. É autor dos livros O amador (Urutau, 2018) e Nenhuma poesia (7Letras, 2019). Poesia é risco (Edições Jabuticaba, 2023) e No meio da piscina tinha uma ergométrica (2023) foram contemplados pelo Programa de Ação Cultural do Governo do Estado de São Paulo (ProAC). Em 2019, Nenhuma poesia foi eleito um dos melhores livros do ano pelo Suplemento Pernambuco.

Dylla Vicente

É natural de Água Branca, Alagoas. É professora de Literatura e Redação. Escreve poemas e prosa poética.

Elielson Lima Memória

Nasceu em 1999 em São Luís (MA). Estudou filosofia na Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).

Elisabeth Senra Guessada

Escritora e poeta publicada no Brasil e no exterior. Brasileira e norte-americana. Idealizadora e CEO Fundadora de Elas e as letras.

Evando Nascimento Camacã

É ensaísta, professor universitário, escritor & artista visual.

Fernando Morato

É graduado em Letras pela Unicamp, fez mestrado na mesma universidade e doutorado na The Ohio State University. Já há muitos anos atua como professor de literatura e tem artigos publicados, maiormente sobre poesia de língua portuguesa do século XVIII.

Gabriel Guzmán Camacho

Faz doutorado no programa de estudos culturais e literários latino-americanos na The Ohio State University. Antes, tem uma licenciatura em comunicação, com enfoque literário, e mestrado em estudos culturais sobre o mundo comic da Bolívia e a representação da violência urbana. Sua tese estuda o período das ditaduras na América Latina, especialmente na Bolívia, e a construção da esperança. Interessa-se por política da memória e do esquecimento, literatura e política, discurso do desenvolvimento, modernização e crítica literária.

Gabriel Santana

É crítico literário.

Guilherme de Almeida Gesso

Escreve um mestrado junto à FFLCH/USP e à Sorbonne-Paris IV. Sua pesquisa, financiada pela FAPESP, investiga as complexas interações entre a linguagem cinematográfica e o romance do século XX.

Guilheme Henrique da Silva

É jornalista e gestor cultural.

Henrique Braga

É doutor em Filologia e Língua Portuguesa pela FFLCH-USP.

Ivanes Freitas

É poeta e tradutor, nasceu em Acopiara, interior do Ceará, em 1991. Ainda criança, mudou-se com a família para Juazeiro do Norte, onde reside até hoje.

Isabella Senise

É cantora, escritora e pesquisadora de processos criativos em torno de música e teatralidade pela Universidade Paris 8.

Jacqueline Sampaio

É formada em Letras - Habilitação em Língua Portuguesa - na Universidade Federal do Pará, tendo atuado nos campi da referida universidade como professora colaboradora. É doutora pela Ohio State University, atuando como professora de espanhol e português.

Jerônimo Teixeira

É jornalista e escritor. Publicou três livros de ficção: As horas podres (novela; Artes e Ofícios, 1997; reedição revisada pela Bertrand Brasil, 2007), Antes do circo (contos; Record, 2008) e Os dias da crise (romance; Companhia das Letras, 2019). Também é autor de Drummond cordial (Nankin, 2005), originalmente sua dissertação de mestrado em Letras pela PUC/RS. É colunista da revista Crusoé e colabora com Brazil Journal, piauí, O Estado de S. Paulo e GQ, entre outros veículos.

Jessica Cardin

É autora de Para onde atrai o azul (Quelônio, 2022), finalista do prêmio São Paulo de Literatura. Organizou a coletânea de contos inspirados em música, O concerto das letras (Tipografia Musical, 2023; no prelo). Escreve sobre arte, música e outros temas no site www.jessicardin.com.

João Lucas Goulart

É advogado tributarista e amante de línguas clássicas, buscando no mundo das traduções o exercício dialético com os autores que admira.

Jocê Rodrigues

Escritor, jornalista e pesquisador. Membro do Núcleo de Pesquisa em Direito Civil-Constitucional da UFPR (Grupo Virada de Copérnico).

Jolie Antunes da Cunha

É pesquisadora e professora de inglês, português e língua de herança. Editora de mídias sociais da Littera 7.

Jules de Faria

É jornalista, poeta, escritora e consultora de comunicação. Fundou a Think Olga, uma das ONGs de direito das mulheres de maior relevância do cenário nacional, e atuou como presidente da organização até 2020.

Laura Redfern Navarro

É poeta e jornalista (Cásper Líbero). Desde 2019 produz conteúdo sobre literatura e criatividade na plataforma @matryoshkabooks. Pesquisa corpo e linguagem nas vicissitudes do feminino. Foi aluna do Curso Livre de Preparação do Escritor (CLIPE-Poesia) em 2021. Participa da equipe de poetas do portal FaziaPoesia. Em 2022, venceu em primeiro lugar o Edital de Publicação Inédita em Poesia do ProAC com O corpo de Laura.

Lorraine Ramos Assis

(1996) É poeta, resenhista e editora. Foi publicada em diversas revistas/jornais nacionais e estrangeiros, tais como Jornal Cândido, Cult revista, Relevo, Granuja (México) e Incomunidade (Portugal). Colabora para São Paulo Review e Revista Caliban, além de integrar o corpo de poetas do portal Faziapoesia. Pesquisa a marginalização feminina em obras ficcionais/biográficas.

Lucas Cassiano

É amazonense, formando-se em medicina. Escreve sobre cinema e literatura.

Lucas Fonseca de Oliveira

É formado em Filosofia e Mestre em Linguística na área de Estudos Clássicos, ambos pela Unicamp.

Lucas Grosso

Nascido em São Paulo, em 1990, formou-se em Letras pela PUC-SP e tem Mestrado em Literatura pela mesma instituição. Participou de revistas como Mallarmargens, Zunái, Subversa, 7faces e Toró. Atualmente, colabora para os portais Fazia Poesia e Revista Úrsula. É autor dos livros de poesia Nada (Patuá, 2019), Hinário ateu (Urutau, 2020) e coautor de Terra dos papagaios (Penalux, 2021). A loja de lámen é o seu mais recente lançamento (Penalux, 2023).

Lucas Medeiros

É poeta, luterano, escritor e graduando em Direito. Apaixonado pelas letras desde a infância. É autor do livro de poesias Eu passarinho (Viegas Editora, 2021).

Lucas Perito

Natural de São Paulo (1985). Poeta e tradutor. Publicou os livros de poemas: 38 Movimentos (Lumme Editor, 2018) e Cosmocorpo (Urutau, 2022). Tem poemas publicados em algumas das principais revistas brasileiras, além de algumas revistas de Portugal, Espanha, Galícia, Colômbia, Peru e México.

Luiz Eduardo de Carvalho

Foi professor, publicitário e assessor de imprensa, jornalista e gestor cultural nos âmbitos público, particular e do terceiro setor. Dedica-se exclusivamente à produção literária desde 2015 e já recebeu mais de 70 prêmios literários. Publicou: O teatro delirante (Giostri, 2014), Retalhos de Sampa (Giostri, 2015), Sessenta e seis elos (Fundação Palmares MinC, 2016), Frasebook (Edições Karnak, 2020), Xadrez (Patuá, 2019), Quadrilha (Patuá, 2020), Evoé, 22! (Patuá, 2021), O pirata Grilheta e os Dragões do Mar (Giostri, 2022), Um conto de Réis (e de Rainhas) (Patuá, 2022), Crônicas do ofício (Cajuína, 2022), Curtas-metragens (Pedregulho, 2022) e Cabra cega (Caminhos Literários, 2023). Tem no prelo para 2023: Q Absurdo! (Opera Editorial) e Multiversos (Caravana).

Luiz Renato de Oliveira Périco

Nascido em Jacarezinho (PR) em 1983. Vive em São Paulo (SP), onde é funcionário público, formado em Letras e em Direito pela USP.

Maitê Alegretti

É escritora, pesquisadora, professora e mestranda em literatura italiana contemporânea pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (USP). Finalista do prêmio Nascente (USP) em 2017. Seu livro de estreia é Titubeio (Urutau, 2020).

Marcela Alves

Nasceu em 1991, em Divinópolis, MG. É psicóloga formada pela UFMG, especialista em psicologia da saúde e atua na prática clínica. Da costela do impossível (Urutau, 2022) é seu primeiro livro.

Marcelo Labes

É autor de, entre outros, Três porcos (Prêmio Machado de Assis em 2021) e Paraízo-Paraguay (Prêmio São Paulo de Literatura em 2020). Enclave (Patuá, 2018) foi finalista do Prêmio Jabuti em 2019 na categoria Poesia.

Marcelo Módolo

É professor da FFLCH-USP e pesquisador do CNPq.

Márcia Silveira

Tem contos e crônicas publicados em diversas antologias. É formada em Design Gráfico e atuou durante muitos anos como fotógrafa. Desde 2019 é colunista de crítica literária do jornal "Diário do Rio". Escreve também a newsletter Página 23. Inventário de vagas lembranças (Penalux, 2023) é seu livro de estreia.

Maria Fernanda Vasconcelos

Formada em Cinema pela FAAP, Maria Fernanda trabalha no Itamaraty e atualmente mora em Ottawa. Seu primeiro livro é Fragmentos completos (7Letras, 2023).

Maria José Leite Pereira

É licenciada em História pela Universidade Estadual da Paraíba, pós-graduada em Antropologia pela Universidade Nova de Lisboa. Paraibana residente na região Centro de Portugal.

Marina Alexiou

Natural e cidadã de São Paulo, capital. Ex-professora universitária, mestre em Filosofia pela PUC/SP. Escreve prosas poéticas e textos sobre arte e cultura desde 2009. Participou da Coletânea de Poesias da OffFlip 2022 e foi finalista na categoria literatura do Concurso Internacional de Arte Contemporânea do Salón de los Rechazados del S. XXI, realizado durante o ano de 2022 na Espanha, através do LinkedIn. Participou do livro Coimbra em Palavras , lançado em Portugal pela editora Aquarela do Brasil em 2018.

Marina Marciano

É fotógrafa e experiente na área cultural relacionada a museus.

Mateus Lima Veloso

É escritor e poeta autor do livro Comumente Singular (Mondru, 2022).

Matheus Guménin Barreto

É poeta e tradutor brasileiro nascido em Cuiabá (MT). É autor de A máquina de carregar nadas (7Letras, 2017), Poemas em torno do chão & Primeiros poemas (Carlini & Caniato, 2018), Mesmo que seja noite (Corsário-Satã, 2020) e História natural da febre (Corsário-Satã, 2022).

Maurício Rosa

É poeta de São Paulo. Formado em Letras e Gestão Empresarial (pós-graduação em Comunicação e Marketing). Publicou em outubro de 2023 o livro Vamos orar pela vingança em formado de e-book.

Miguel Forlin

É diretor, crítico e professor de cinema. Foi colunista e co-editor da seção de cinema do Estado da Arte (do jornal O Estado de São Paulo), curador da Mostra Cinema & Liberdade, membro do júri da crítica da 41ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo e professor do MIS-SP (ministrou o curso David Lynch – Transformando Ideias em Imagens). Atualmente, leciona na escola on-line A Arte do Cinema, da qual é um dos dois fundadores. Colabora regularmente com a Versátil Home Video. É editor da Littera 7. Realiza, como diretor, seu primeiro longa-metragem, Haceldama.

Milena Martins Moura

Nasceu no subúrbio do Rio de Janeiro em 1986. É poeta, editora, tradutora, mestre em Literatura Brasileira pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e doutoranda em Literatura Comparada pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Publicou os livros Promessa vazia (Multifoco, 2011), Os oráculos dos meus óculos (Multifoco, 2014) e A orquestra dos inocentes condenados (Primata, 2021), além da plaquete digital de poesias Banquete dos séculos (Edição da Autora, 2021). Lançou O cordeiro e os pecados dividindo o pão pela Aboio (2023). É editora da revista cassandra e da Macabéa Edições.

Milton Rezende

É autor de 14 livros publicados entre prosa e poesia, entre eles Mais uma xícara de café (Penalux, 2017), A casa improvisada (Penalux, 2019), Anímica (Penalux, 2022) e Antologia poética-literária I (Grupo Editorial Atlântico, 2022).

Pedro Henrique Ando

Reside no Japão. Atualmente cursa o quarto ano de graduação em teologia pela Faculdade Internacional de Teologia Reformada. Pretende se especializar nas áreas de crítica literária e filosofia.

Pedro Rocha Souza

Ávido por contos e romances, apesar da paixão pela Literatura, escreve e pensa sobre as Artes Visuais, sobretudo Pintura. Natural de Fortaleza, está ilhado em Florianópolis.

Pedro Vale

Vive no Funchal desde 2002 onde é professor de primeiro ciclo. Cursou Ciências da Cultura e frequenta o mestrado em Gestão Cultural na Universidade da Madeira. O seu primeiro livro, Azul Instantâneo, foi lançado em dezembro de 2017.

Peter LaRubia

É escritor nascido e criado em Campo Grande, subúrbio do Rio de Janeiro. Autor dos romances Terra do nunca (Multifoco, 2013) e F.Ú.R.I.A. Cyberpunk (Luva, 2019). Formado em Psicologia e em Letras, integrou as bandas de rock Nabuco on the Roxy e Barbarella Inc. Lançou pela Editora Patuá seu terceiro livro, 10 reais & 01 maço de cigarros (2023).

Raeltom Santos Munizo

É professor graduado em letras vernáculas pela UESB. Tem mestrado em "Memória: linguagem e sociedade" pela UESB. Dedica-se ao estudos no campo literário, sobretudo das práticas letradas produzidas nos séculos XVI e XVII em meio ao império luso.

Rafael Rocca dos Santos

É pesquisador (FFLCH/USP, Bauhaus Universität-Weimar, The Ohio State University), tradutor e crítico literário. Editor-chefe da Littera 7 e da Editora L7. Organizou com Caio Cesar Esteves de Souza o volume Ensaios (LiberArs, 2018). Traduziu Goethe, Bram Stoker, Charles Dickens, Wolfgang Borchert, Hannah Arendt, Heinrich Kurtzig, entre outros. Suas áreas de pesquisa são teoria literária e literaturas lusófonas, europeias e de testemunho do Holocausto.

Rafael Senra

É professor adjunto de literatura na Universidade Federal do Amapá e do Programa de Pós-Graduação em Letras da UNIFAP (PPGLET/UNIFAP), editor e organizador da Coleção Além da Letra da Editora Hucitec. É escritor, autor de quadrinhos e músico.

Renan Fernandes

Nascido em Bauru (SP), é analista de políticas públicas e consultor. Vidrado em dados, mas ainda mais em gente. Mora em Paris.

Rhuan Garcia

Nasceu em Niterói, Rio de Janeiro, em 2001. É graduando em História pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). Escritor e ficcionista, escreve contos, ensaios e artigos.

Rodrigo Barcellos Hoff

É escritor independente, músico amador - baixista - e farmacêutico. É autor de A torre da derrota (poesia; Edição do Autor, 2005), Os cogumelos e seus malefícios para a saúde pública (poesia; Simplíssimo, 2021) e REACQUA (não ficção; Simplíssimo, 2022).

Rúben Marques

Nasceu em Alcanena, Portugal, em 1994. Recentemente publicou o livro de poesia Quem somos quando ninguém nos vê?, (Cordel d'prata, 2020), Navegações pelo tempo (Chiado, 2020) e Um pedaço de viagem (Chiado, 2018). Recentemente iniciou um projeto de poesia blackout chamado Palavras Resgatadas no Instagram.

Thiago Francisco

É professor e escritor. Mestre em Teoria Literária pela Universidade de Brasília (UnB)

Thiago Henrique Muniz

Cineasta nascido e criado no interior de Pernambuco. Cursou Comunicação Social na UFPE.

Tiago Duarte Dias

Foi criado em Niterói e atualmente mora em Malmö, Suécia. Além de escrever poemas e contos, também tem uma carreira acadêmica e uma carreira musical.

Victor Hugo Geraldino

É escritor e poeta.

Vincent Sesering

Cinéfilo e crítico há pelo menos cinco anos, já assinou colunas tanto para sites de notícia de Joinville, Santa Catarina, como para revistas de circulação estadual. Já cobriu a Mostra de Cinema de São Paulo, o Olhar de Cinema de Curitiba e o Festival Ecrã. Criou o blog Coquetel Kuleshov para escrever críticas.

Vitor Vilaverde Dias

É brasileiro, estudante de doutorado em Estudos Culturais da América Latina na Ohio State University (EUA). Documentarista, formado em Imagem e Som pela Universidade Federal de São Carlos, onde também tem um mestrado em Estudos Literários. Ex-aluno do Instituto Querô. Trabalhou como assistente de produção executiva na FilmBrazil, com destaque para as campanhas #FilmMeBrazil e #TweetScripts no Cannes Lions International Festival of Creativity. Em cinema, fez parte da equipe executiva da Gullane na parte de editais públicos. Dirigiu os documentários de curta-metragem Prelado (2014) e Onde os Caminhos Estão Suspensos (2015), e seu primeiro longa Andor (2022), um documentário que relata a história do único brasileiro sobrevivente do Holocausto. Estreou na 46ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.

Wagner Schadeck

Nasceu em 24 de agosto de 1983, em Curitiba, PR, e mora em Santa Maria, RS. Colabora com o Rascunho, Revista Brasileira (ABL) e Poesia Sempre (BN). Traduziu Keats, Ortega y Gasset, Nietzsche, Rollinat, Leonardo da Vinci, Kafka, Virginia Woolf, Hermann Broch, Edith Stein, entre outros. É autor de Quadros provincianos (Mondrongo, 2018), livro semifinalista do prêmio Oceanos, categoria poesia.

Wallace Silveira Azambuja

É graduando em Letras na UFRGS. Seu primeiro livro se chama Soneto aos olhos e outras impressões.

Yan Rego

É carioca de Vila Isabel, nascido em 1993. Cientista social de formação, atuou como professor de sociologia no Cursinho Popular Carolina de Jesus. Seu livro Agá recebeu o segundo lugar na categoria contos do Prêmio Biblioteca Digital 2021. Roteirista do curta-metragem O nariz de Euzébio e co-roteirista do longa-metragem Lulinha, meu santo!, com Camila Ribeiro, ambos em fase de captação. Era uma vez um mês seis (Paraquedas, 2023), é seu lançamento.

©Littera 7, 2022